terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Universos Paralelos


Pode existir em outro plano de existência um outro eu nosso, vivendo uma vida diferente dessa daqui?

A física quântica traz os mundos paralelos como uma solução para a charada quântica mais conhecida: a do gato de Schrödinger, elaborada em 1935.

Observem:(exemplo copiado da revista Planeta - edição 458)
Um gato é colocado numa caixa selada com um contado geiger, um frasco de veneno e um átomo radioativo que tem 50% de chance de desintegrar dentro de uma hora. Se o átomo se desintegra, o contador Geiger percebe e aciona um mecanismo que quebra o frasco de veneno, levando o gato à morte. De acordo com a teoria quântica, ao final daquela hora, o átomo deve se encontrar num estado superposto de desintegração e de não desintegração. Ou seja: o gato está ao mesmo tempo num estado insólito, tanto de vivo quanto de morto.
Schrödinger propôs seu enigma como uma forma de sublinhar como a teoria quântica pode desafiar o senso comum. De fato, como pode estar vivo e morto ao mesmo tempo?...

...Bryce DeWitt, em 1970, concluiu que esses resultados só poderiam ocorrer em universos paralelos. Tais universos coincidiriam com o nosso em termos espaciais, mas estariam isolados, e em consequência teriam uma interação muito pequena com nosso universo. A hipótese ganhou o rótulo de "interpretação de muitos mundos"; cada hipótese possível corresponde ao surgimento de um novo universo. No caso do gato, em um universo ele esbanja saúde, mas em outro está definitivamente morto.
...Em 1998 o físico sueco-americano Max Tegmark deu uma nova contribuição ao estudo dos mundos paralelos ao voltar à experiência do gato de Schrödinger e colocar-se no lugar do animal para refletir sobre o que ele conseguiria ver na caixa. A conclusão de Tegmark foi intrigante: segundo a interpretação de muitos mundos, em diversas versões ele morreria, mas sempre haveria universos nos quais viveria, e em alguns deles ele até seria imortal!

Muito legal, Né?
Inacreditável é que Jesus Cristo já sabia disso. Ele sempre disse que não fazia parte desse Universo.
No livro que escrevi "O Amor de Maria Madalena por Jesus", isso fica bem demonstrado.

Namastê.
Related Posts with Thumbnails